Sub-categorias

Notícia

Produto estranho em sandes da escola

Pais de aluna de sete anos ficaram preocupados e o pão vai ser submetido a análise.
Por Paula Gonçalves|16.09.17
Carla Silva diz ter ficado "gelada dos pés à cabeça" quando ao desembrulhar uma sandes de fiambre que a filha, de sete anos, levou da escola, detetou "um objeto estranho cor de rosa parecido com um comprimido". Entrou em pânico porque se lembrou de uma informação que circulou nas redes sociais sobre uma alegada droga para crianças em forma de guloseima.
Produto estranho em sandes da escola

Contactou a escola e o achado motivou ontem uma reunião no Centro Escolar Solum Sul e levou o vereador da Câmara de Coimbra, Jorge Alves, a apresentar queixa-crime na PSP contra desconhecidos.

No final da reunião - em que estiveram os pais da criança, a direção da escola, o vereador, a PSP e a empresa que fornece as refeições escolares - os agentes da PSP recolheram a sandes. "O que posso dizer é que é parecido com umas gomas que se vendem, mas tudo o que se disser agora é pura especulação. Por isso é que há uma Autoridade de Segurança Alimentar, para analisar este tipo de coisas", referiu Jorge Alves.

Pedro Gante, pai da aluna, diz ter ficado "muito preocupado". "A minha filha poderia ter comido aquela substância, que não sabemos exatamente o que é - se é uma guloseima, ou um comprimido".


Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Sociedade

pub