Sub-categorias

Notícia

Tecnologia identifica orientação sexual

Gays têm tendência para terem mandíbulas mais estreitas.
Por Sónia Trigueirão|13.09.17
Investigadores da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, desenvolveram um sistema de inteligência artificial para identificar a orientação sexual dos utilizadores de um site de encontros apenas através de imagens dos rostos.

A equipa reuniu cerca de 300 mil fotografias de 74 mil pessoas registadas num site de encontros com perfis públicos.

Foram utilizadas técnicas de reconhecimento facial para filtrar as fotografias que se focassem na cara das pessoas, com boa qualidade, levando a uma base de dados de 35 mil imagens de 14 mil pessoas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De  Anónimo 13.09.17
    Pode ser um indicativo sem importancia na preferencia sexual, eu escolhi o pai dos meus filhos nariz grande dedos grandes odor corporal forte pele resistente cabelo forte determinado espirito de sacrificio honesto e sem acessorios, era aquele e não me enganei bom adn :)
1 Comentário
  • De  Anónimo 13.09.17
    Pode ser um indicativo sem importancia na preferencia sexual, eu escolhi o pai dos meus filhos nariz grande dedos grandes odor corporal forte pele resistente cabelo forte determinado espirito de sacrificio honesto e sem acessorios, era aquele e não me enganei bom adn :)
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Sociedade

pub