Sub-categorias

Notícia

Já há um preservativo que analisa a sua performance sexual

Dispositivo recolhe dados em cada sessão de sexo e analisa-os numa aplicação móvel.
Por Pedro Zagacho Gonçalves|03.03.17

Para os homens mais inseguros quanto ao seu desempenho sexual (assim como para os mais curiosos que queiram saber como correu cada sessão de sexo), a empresa inglesa British Condoms, criou o i.Con, o primeiro Smart Condom, ou seja um preservativo inteligente.

O dispositivo, que se trata de um anel colocado na base do pénis, recolhe uma série de dados biométricos durante o ato sexual: a velocidade e quantidade de impulsos, calorias queimadas, número de relações sexuais, temperatura da pele do pénis, tamanho do órgão sexual, posições, duração de cada sessão de sexo, entre outros.

Através de ligação Bluetooh, o aparelho liga-se ao smartphone para enviar os dados recolhidos para uma aplicação para smarphone própria, que apresenta os resultados ao utilizador. Este pode comparar cada sessão de sexo e tirar conclusões ou, se assim entender, partilhar o resultado da sua performance com os outros utilizadores.

O i.Con é recarregável através de uma porta mini USB e tem uma autonomia de oito horas de uso em cada ciclo de carga. O dispositivo, que inclui um "série de nano-chips e sensores", é ajustável ao tamanho e diâmetro do pénis e tem um ano de garantia.

O preservativo inteligente já está disponível para encomenda no site da empresa por uns módicos 70 euros. No entanto, as encomendas ainda não estão a ser enviadas por o produto final ainda estar em fase de ajustes. A British Condoms assegura que as encomendas começarão a ser enviadas "muito em breve".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De A Malaika03.03.17
    Ao que as novas tecnologias chegaram.."Não satisfeita" porque acho, na minha opinião, que psicologicamente vai ser um caos..o ser "bom" ou querer "melhorar" vai estar constantemente na mente da pessoa e numa relação sexual há que se liberar de tudo o resto e aproveitar ao máximo..:/
1 Comentário
  • De A Malaika03.03.17
    Ao que as novas tecnologias chegaram.."Não satisfeita" porque acho, na minha opinião, que psicologicamente vai ser um caos..o ser "bom" ou querer "melhorar" vai estar constantemente na mente da pessoa e numa relação sexual há que se liberar de tudo o resto e aproveitar ao máximo..:/
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Tecnologia

pub