Sub-categorias

Notícia

Boicote à Google chega aos Estados Unidos

Empresa perde alguns dos seus maiores anunciantes, que receiam ficar associados a vídeos extremistas.
Por Sónia Dias|24.03.17
  • partilhe
  • 0
  • +
A guerra contra a Google já chegou aos Estados Unidos. Depois do boicote no Reino Unido, em que várias marcas suspenderam a sua publicidade no YouTube e outras plataformas digitais ao verem os seus nomes associados a vídeos extremistas, várias empresas norte-americanas decidiram seguir-lhes o exemplo.

Ontem, as operadores de telecomunicações Verizon e AT&T foram as primeiras a cancelar as suas campanhas na Google, sendo imediatamente seguidas pelo grupo Enterprise e pela Johnson & Johnson.

"Estamos a trabalhar com os nossos parceiros de publicidade digital de forma a identificar os elos mais fracos e evitar que isto volte a acontecer no futuro", explicou em comunicado a Verizon. Já a AT&T disse estar "profundamente preocupada" com o facto de os seus anúncios aparecerem "em vídeos que promovem o terrorismo e o ódio", pelo que decidiu suspender toda a publicidade até que "a Google esteja em condições de garantir que a situação não se repete".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Tv Media

pub