Sub-categorias

Notícia

RTP sem dinheiro para reposição de carreiras

Administração tentou negociar o faseamento do processo mas os sindicatos estão irredutíveis.
Por Duarte Faria|06.12.17
  • partilhe
  • 4
  • +
A administração da RTP ainda não sabe como vai proceder à reposição de carreiras dos seus trabalhadores no início do próximo ano, como previsto no Orçamento do Estado de 2018. É que o grupo público está sem folga financeira para comportar a despesa, depois de todos os sindicatos representativos dos trabalhadores terem rejeitado a proposta da administração de fasear esta reposição ao longo de dois anos.

Segundo a Comissão de Trabalhadores, a reposição de carreiras terá um custo aproximado de 2,7 milhões de euros. Um valor que, no entender da administração, não pode ser aplicado de imediato, uma vez que teria um impacto negativo nas contas da empresa para o próximo ano e colocaria em causa a sua sustentabilidade.

A RTP prevê prejuízos para o próximo ano devido à realização da Eurovisão e do Mundial, lê-se no Plano de Atividades e Orçamento (PAO) para 2018. Ora, "sendo estes eventos de interesse público, por que razão devem os trabalhadores da RTP contribuir com o salário, quando já contribuem com o trabalho", questionam os sindicatos.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Tv Media

Tv Media

Estrelas da SIC com futuro incerto

Estrelas da SIC com futuro incerto

João Baião fica sem programa e terá salário milionários revisto. Não é o único caso. Conheça a lista de 'dispensáveis'.

pub