Vaz Tomé em dúvida na nova administração da RTP

Gonçalo Reis e Nuno Artur Silva serão reconduzidos. Administradora financeira deverá ficar de fora.
Por Duarte Faria|12.01.18
  • partilhe
  • 3
  • +
O mandato do atual conselho de administração da RTP termina dentro de três semanas. Até ao início de fevereiro, o Conselho Geral Independente (CGI), ao qual cabe supervisionar a atividade do grupo público de rádio e televisão, e nomear a administração, deverá indicar os nomes que vão integrar o conselho nos próximos três anos.

Ao que o CM apurou junto de fontes próximas do processo, Gonçalo Reis (presidente) e Nuno Artur Silva (administrador com o pelouro dos conteúdos) deverão ser reconduzidos nas atuais funções. Em dúvida está a continuação da administradora financeira Cristina Vaz Tomé.

O mais certo, sabe o CM, é que a gestora não integre mesmo a próxima administração, que se manterá em funções até 2021. De resto, o nome do administrador com o pelouro financeiro é o único que precisa de aprovação do Governo, através do Ministério das Finanças.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!