Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
6

Repousar na Colina dos Piscos

O mais recente lugar de turismo rural do Centro marca o encontro entre a natureza e as artes, onde a fauna e a flora vibrantes se destacam.
Carolina Canha 11 de Agosto de 2017 às 09:00
Colina dos Piscos
O lago da propriedade, situado no meio do pinhal, proporciona paz e serenidade na companhia da natureza
A habitação tem seis confortáveis quartos de design moderno, com apontamentos da própria história
Mergulhos no lago, passeios de bicicleta pelo pinhal e massagens ao ar livre complementam a oferta
A natureza envolvente convida ao contacto direto com o meio rural para fugir à cidade
Colina dos Piscos
O lago da propriedade, situado no meio do pinhal, proporciona paz e serenidade na companhia da natureza
A habitação tem seis confortáveis quartos de design moderno, com apontamentos da própria história
Mergulhos no lago, passeios de bicicleta pelo pinhal e massagens ao ar livre complementam a oferta
A natureza envolvente convida ao contacto direto com o meio rural para fugir à cidade
Colina dos Piscos
O lago da propriedade, situado no meio do pinhal, proporciona paz e serenidade na companhia da natureza
A habitação tem seis confortáveis quartos de design moderno, com apontamentos da própria história
Mergulhos no lago, passeios de bicicleta pelo pinhal e massagens ao ar livre complementam a oferta
A natureza envolvente convida ao contacto direto com o meio rural para fugir à cidade
É implantada sobre uma pequena bacia em socalcos, enriquecida por abundantes nascentes, que se encontra a Colina dos Piscos. A cerca de uma hora de Lisboa e a poucos minutos de Ourém, em Seiça, este espaço alia o turismo rural à natureza.

A história da propriedade é contada desde a Antiguidade. Na Idade Média e até ao século XIX, os monges de Cister tiveram forte presença na região, sendo posteriormente, na década de 30, transformada em casal e chamada Casal Pisco, devido à ave com o mesmo nome que ali habita.

São seis confortáveis quartos, todos com casa de banho privativa e, alguns, com uma área de estar para relaxamento. O pequeno-almoço é servido num espaço que proporciona uma maravilhosa vista sobre o jardim e o pinhal, onde o lago com cascatas se destaca.

A vertente cultural também está incluída, devido à localização próxima de diversas localidades com monumentos históricos de referência.

Passeios pedestres ou de bicicleta pelo pinhal, mergulhos no lago, massagens de relaxamento ao ar livre e workshops na ‘casa das artes’ fazem parte das atividades que completam a estadia. O espaço está ainda preparado para receber e organizar eventos empresariais ou sociais.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)