Correio da Manhã

Junte peixe-galo, açorda e crosta de ovas
Foto Filipa Couto
Peixe-galo com ovas
Por Edgardo Pacheco | 18:40
  • Partilhe
Laffan abriu um restaurante onde vai apresentar pratos de peixes não nobres e mariscos a bons preços. Siga a receita.

Miguel Laffan saltou para a ribalta da gastronomia ao ganhar uma estrela Michelin há dois anos, no restaurante L´and Vineyards, em Montemor-o-Novo. Daí para cá tem andado numa azáfama tremenda, assumindo consultorias e abrindo novos conceitos de restauração.

Depois de ter criado o Chiken all Around, que tem sido um caso de sucesso no Mercado da Ribeira, abre agora o Barbatana, no Centro Comercial Amoreiras, na cidade de Lisboa. O Barbatana é, nas palavras humoradas do chef, um primo muito próximo do Porto de Santa Maria, visto que é propriedade dos detentores deste restaurante muito famoso do Guincho, em Cascais.

Só que aqui a ideia é explorar peixes menos nobres emariscosmais populares. Miguel Laffan acha que para se comer bom peixe não é necessário pagar este mundo e o outro. Para nós preparou-nos um peixe-galo que encontrou a bom preço na praça.

Peixe-galo, açorda e crosta de ovas

1. Um peixe-galo com ovas é conveniente para este prato. Se as ditas não existirem, pode-se sempre comprar umas ovas frescas de pescada.

2. e 3. Tempere as ovas com sal e um piso de azeite com coentros e leve tudo ao forno.



PUBLICIDADE
4. Uma vez assadas, limpe as peles e coloque as ovas num robô com pão esmigalhado, alho, o piso de coentros e, no final, um picadinho de pimento com chalotas. Reserve.

5. Entretanto, abra o lingueirão numa frigideira, reservando a água com o sabor marinho para a açorda que vai preparar já a seguir.

6. Nesta altura é só colocar o pão no tacho para ir envolvendo com a água da abertura do lingueirão, alho laminado,o azeite com coentros e, no final, o lingueirão.

7. Leve um filete de peixe-galo ao forno, colocando sal grosso em abundância na pele. Isto fará com que o peixe não perca parte dos seus sucos. Se tiver a sorte de ter um forno Josper, o peixe ficará no forno cerca de 5/6 minutos. Caso contrário, num forno normal e a 190º, demorará cerca de 15 minutos.

PUBLICIDADE
8. Uma vez a posta grelhada, retire-a do forno para, na parte da pele, barrá-la com o preparado das ovas. De seguida volte a colocar o peixe no forno durante uns 4 ou 5minutos, por forma a que a pasta fique crocante.

9. Na altura de montar a açorda, use um aro para criar um bloco sólido e bonito no prato, já que a estética não interfere com o sabor. Por cima deste decore com uma salada de folhas verdes e rebentos a seu gosto. Aposta de peixe-galo vai ao lado e, para tempero final, volte a usar o azeite aromatizado com coentros. Um copo de vinho branco com estrutura dará boa companhia ao peixe.

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE