Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
3

Festa da cerveja

Cervejarias com nome feito onde tirar uma imperial ou um fino é levado muito a sério. E sempre com um petisco a acompanhar.
Paulo Fonte(paulofonte@cmjornal.pt), Pedro Galego, Rafael Duarte, Gonçalo Silva e Nelson Rodrigues 28 de Maio de 2018 às 17:14
Cervejaria Eduardo das Conquilhas, na Parede
Cerveja
Cervejaria Bohème, em Faro
Cervejaria Armazém da Cerveja, no Porto
Cervejaria Beerhouse, no Funchal
Cervejaria Duque Brewpub, em Lisboa
Cervejaria Munich, em Coimbra
Cervejaria Letraria, no Porto
Cervejaria Eduardo das Conquilhas, na Parede
Cerveja
Cervejaria Bohème, em Faro
Cervejaria Armazém da Cerveja, no Porto
Cervejaria Beerhouse, no Funchal
Cervejaria Duque Brewpub, em Lisboa
Cervejaria Munich, em Coimbra
Cervejaria Letraria, no Porto
Cervejaria Eduardo das Conquilhas, na Parede
Cerveja
Cervejaria Bohème, em Faro
Cervejaria Armazém da Cerveja, no Porto
Cervejaria Beerhouse, no Funchal
Cervejaria Duque Brewpub, em Lisboa
Cervejaria Munich, em Coimbra
Cervejaria Letraria, no Porto
Agora que o calor aperta sabe ainda melhor uma cerveja bem tirada, acompanhada por uns simples tremoços, um petisco ou um belo marisco. Para isso, nada melhor do que escolher uma das muitas cervejarias espalhadas pelo País com pergaminhos na nobre arte de tirar uma imperial.

Nestas páginas sugerimos oito estabelecimentos com provas dadas nesta missão de saciar a sede a todos os clientes, enquanto são distribuídas simpatia e eficiência no serviço. Peça um fino a norte, uma imperial a sul, a mesma designação para uma cerveja servida com mestria por quem sabe. Vamos então desfrutar de uma ‘loira’ em espaços tradicionais ou saborear produções artesanais em locais mais arrojados, que são a cara dos verdadeiros apreciadores desta bebida. 

Letraria 
Frescas e vivas
São 40 as torneiras de cerveja, ligadas diretamente a barris acondicionados numa câmara fria, que a cervejaria Letraria, no Porto, tem para oferecer aos clientes. O objetivo é saborear um produto fresco e vivo. Aberto há um ano, o espaço ocupa dois pisos de um edifício típico da cidade portuense do início do século XX.
O objetivo dos responsáveis é apresentar aos visitantes a recriação de um ambiente de fábrica, onde todos podem saborear as suas cervejas - algumas delas limitadas e especiais. O espaço incorpora ainda exclusivas cervejas de culto vanguardista, a maioria proveniente da Dinamarca.
Local: Rua da Alegria, 101 -  PORTO
Horário: Das das 17h00 às 02h00 aos fins de semana.
À semana encerra à 01h00.

Armazém da cerveja
Descobrir a favorita
O armazém da cerveja está localizado numa recatada rua do centro histórico da cidade do Porto. Dedicado à cerveja artesanal, este espaço apela a que os visitantes descubram as diversas variedades e estilos da cerveja, numa degustação onde a interação com o produto estimula o interesse no processo de fabrico e ingredientes utilizados. O objetivo é levar o cliente a experimentar diversos tipos e marcas de cerveja artesanal e descobrir o seu estilo favorito. Este é um espaço que disponibiliza ao público uma seleção de produtos de qualidade internacional e a divulgação das grandes cervejas nacionais. Quem por aqui entrar pode experimentar as últimas tendências e os diferentes twists do seu tipo de cerveja preferido.
Local: Rua Formosa, 130 - Porto
Horário: Das 16h00 às 00h00. Sexta e sábado até à 01h00. Fecha à segunda. 


Munich
Legado e frescura com inspiração alemã
No início da década de 70, um emigrante na Alemanha regressou a Coimbra  e abriu um espaço dedicado à cerveja e ao marisco, a que deu o nome de Marisqueira Munich. No final de 1974, a convite do patrão, os irmãos Lino e Vasco passaram a ser os proprietários. Em 44 anos muita coisa mudou. À Munich juntou-se a Munich II, que conta já com 26 anos. As Munich continuam a apostar na qualidade dos produtos, marisco fresco, peixe selvagem e a carne selecionada. Há dez anos a Munich foi remodelada, adaptando-se às exigências atuais.  
A cerveja está à temperatura ideal. Um frigorífico garante caneca frescas. À cerveja de pressão junta-se a Onyx e a Topázio (originárias de Coimbra) e a artesanal Cinco Chagas. 
Local: Rua do Brasil, 256/8 e 344 - Coimbra
Horário: De quarta-feira a segunda, das 12h00 às 02h00. Encerra à terça-feira.

Duque Brewpub 
Produção artesanal 
Era uma vez quatro amigos que decidiram criar em Lisboa um local em exclusivo dedicado à cerveja artesanal. Dois deles fizeram um workshop de produção de cerveja caseira, os restantes já tinham a sua marca, a Aroeira. Na junção de todos estes fatores nasceu, em 2016, o Duque Brewpub.
Nesta casa da capital só se vende cerveja artesanal portuguesa, com variedades à pressão em rotação constante. Também se faz produção própria e é possível comprar para levar para casa. Para aconchegar o estômago há uma ementa com tostas e petiscos. Destaca-se a tosta Batalha, com chourição, queijo da ilha, tomate, rúcula e jalapenos.  
Local: Calçada do Duque, 49-51  - LISBOA
Horário: 16h00-00h00 de domingo a quarta-feira,
até à 01h00 à quinta, até às 02h00 à sexta e ao sábado

Eduardo das Conquilhas
O peso da tradição
O nome aponta para um bivalve, mas nem sempre a casa o vendeu. Em 1965, Eduardo dos Santos tratou de pedir um empréstimo e abriu uma casa de petiscos onde vendia salgados - pastéis de bacalhau, rissóis e croquetes. Com olho para o negócio, logo virou a agulha para o marisco e, passados mais de 50 anos, é uma marisqueira de referência, equipada com viveiros próprios que têm capacidade para mais de uma tonelada. A cerveja divide a mesa com o marisco, desde as conquilhas do Algarve às amêijoas, sapateiras, gambas ou perceves. Para quem prefere não faltam petiscos, com os incontornáveis pica-paus, moelas, pregos e bifanas à cabeça. Uma casa de referência na Linha de Cascais. 
Local: Rua Capitão Leitão, 118 A, - Parede
Horário: terça-feira a domingo, das 12h00 à 01h00. Encerra à segunda-feira

Lebrinha
Loira com fama mundial
Fica no centro de Serpa e tem fama de servir uma das melhores imperiais do Mundo. A Cervejaria Lebrinha é uma referência na ‘loira’, que casa na perfeição com as várias tapas à disposição ou com febras à Zé Lebrinha, um dos petiscos favoritos dos clientes. A casa remonta a 1960. 
Local: Rua do Calvário, 6-8 – Serpa
Horário: Todos os dias, das 11h00 às 2h00. Encerra à terça-feira


Cervejaria Bohème
Tradicional Chic
A cervejaria pretende elevar o estatuto da cerveja com um estilo nem demasiado descontraído, nem muito pretensioso. Para Pedro Alves, "beber cerveja é tão elegante como beber vinho" e, por isso, pretendeu dar à sua cervejaria um estilo ‘Tradicional Chic’. A ‘ Cervejaria Bohème’ funciona como bar, mas também comercializa cervejas artesanais portuguesas e internacionais face à multiplicidade de clientes e à curiosidade do público português. Esta cervejaria, na baixa de Faro, com esplanada direta para a marina, aproveitando o sol algarvio, conta também com um menu para acompanhar as cervejas com rissóis de berbigão, leitão, chamuças, carapaus alimados, tábuas de queijos e enchidos ou saladas de bacalhau e polvo.
Local: Avenida da República, n.º 2 - Faro
Horário: Todos os dias, das 10h00 às 02h00

Beerhouse
'Tesouro' na ilha
A história da beerhouse começou em 1996 e teve um impulso sete anos depois, quando João Gramilho decidiu explorar a unidade de restauração localizada no pontão que sobressai na Marina do Funchal, na avenida do Mar. Estamos perante um espaço moderno com uma ampla esplanada com vistas para a marina, o porto e a baía. Da ementa constam, em particular, pratos de peixe e marisco. Destacam-se a feijoada de marisco, o esparguete de lagosta com gambas, o filete de peixe-espada com banana ou o bife de atum à madeirense. Para quem pretender optar por refeições mais ligeiras há saladas, sandes, omeletas e grelhados. Tudo bem regado com cerveja artesanal, "fabricada da forma mais natural e controlada, de modo a garantir-lhe um alto nível de qualidade".
Local: Pontão São Lázaro, Avenida do Mar - Funchal, Madeira
Horário: 10h00 às 02h00

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)