Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
6

Novo tinto Hexagon é criado com seis castas

O Hexagon é a homenagem da José Maria da Fonseca à sexta geração da família.
Edgardo Pacheco 1 de Maio de 2019 às 17:55
Hexagon
Hexagon FOTO: Direitos Reservados
Poucas casas com muita história no mundo do vinho criam uma marca que pretende vincar às atuais e às futuras gerações os valores dos fundadores das empresas. Não é só uma questão de marketing, é mesmo uma questão de cultura organizacional.

Ora, aquela que é provavelmente a mais antiga empresa a engarrafar vinhos tranquilos em Portugal - a José Maria da Fonseca - lançou em 2000 este simbólico Hexagon para receber a sexta geração da família a trabalhar na empresa.

Assim, esta figura geométrica com seis faces celebra a sexta geração e remete-nos para um lote de seis grandes castas nacionais e internacionais (Touriga Nacional, Syrah, Trincadeira, Tinto Cão, Touriga Francesa e Tannat).

Trata-se naturalmente de um tinto que merece cuidados redobrados por parte de Domingos Soares Franco, o enólogo, administrador e representante da 5.ª geração na empresa.

Tinto sério, exigente, bem trabalhado e com todos os requisitos para cativar as novas gerações da JMF.

A perdiz é ave muito exigente
A forma como se cozinha a perdiz vai determinar o vinho que escolhemos. Uma coisa é certa, este Hexagon 2014 vai bem com uma perdiz estufada pelo chefe Pedro Mendes.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)