Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
2

‘De Língua Afiada’: livro reúne mulheres do século XX à frente do seu tempo

Obra junta personalidades femininas que fizeram da opinião uma arte.
Duarte Faria 28 de Janeiro de 2020 às 17:00
‘De Língua Afiada’
‘De Língua Afiada’ FOTO: Direitos Reservados
O que têm em comum a escritora Dorothy Parker, a filósofa e política Hannah Arendt, a ativista Susan Sontag ou a realizadora de cinema Nora Ephron? Foram mulheres à frente do seu tempo, de língua afiada, que dedicaram boa parte das suas vidas, talento, argúcia e precisão do pensamento a expressar, de forma arrojada e desassombrada, as suas opiniões.

Isto numa época que os movimentos do género ‘Me Too’ ainda estavam longe de ser uma realidade.

Em ‘De Língua Afiada’, já nas livrarias, a jornalista Michelle Dean (distinguida em 2016 com o National Book Critics Circle pela excelência da sua crítica) junta uma boa parte das opiniões destas mulheres, pensamentos que moldaram a história cultural e intelectual do século XX.

FICHA
'De Língua Afiada'
Biografias, resenhas críticas, citações, episódios curiosos, piadas, polémicas, este é um livro que põe as protagonistas em diálogo entre si e em diálogo com as mulheres do ano 2020. "Um projeto valioso e formidável", defendeu Rachel Cooke no ‘The Guardian’.
Quetzal Editores
448 páginas
Preço: 19,90 euros
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)