Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
4

Feira de São Mateus arranca dia 11

A maior feira franca da Península Ibérica tem um programa diversificado.
Luís Oliveira e Rogério Chambel 9 de Agosto de 2017 às 20:53
Feira de São Mateus
Visitantes poderão ver cartazes e objetos da história desta feira franca
Folclore em Viseu
Percussão com bombos e tachos
Feira de São Mateus
Este ano espera-se bater o recorde de 2016, que teve 1 029 000 entradas
Esta edição vai ter seis domingos francos, onde a entrada é grátis. é um tributo aos 625 anos da feira
Volta a realizar-se o passeio histórico de automóveis antigos. Tem lugar no dia 20 de agosto
Feira de São Mateus
Visitantes poderão ver cartazes e objetos da história desta feira franca
Folclore em Viseu
Percussão com bombos e tachos
Feira de São Mateus
Este ano espera-se bater o recorde de 2016, que teve 1 029 000 entradas
Esta edição vai ter seis domingos francos, onde a entrada é grátis. é um tributo aos 625 anos da feira
Volta a realizar-se o passeio histórico de automóveis antigos. Tem lugar no dia 20 de agosto
Feira de São Mateus
Visitantes poderão ver cartazes e objetos da história desta feira franca
Folclore em Viseu
Percussão com bombos e tachos
Feira de São Mateus
Este ano espera-se bater o recorde de 2016, que teve 1 029 000 entradas
Esta edição vai ter seis domingos francos, onde a entrada é grátis. é um tributo aos 625 anos da feira
Volta a realizar-se o passeio histórico de automóveis antigos. Tem lugar no dia 20 de agosto
A fasquia está elevada para a 625.ª edição da Feira de São Mateus, que começa dia 11 em Viseu. Depois de no ano passado ter ultrapassado o mítico número de um milhão de visitantes, a organização daquela que é considerada a maior feira franca da Península Ibérica pretende mais: sobretudo, abrir o evento à Europa, começando pelo vizinho ‘mercado’ espanhol.

Durante os 38 dias em que decorre o certame - termina apenas a 17 de setembro -, a feira de São Mateus 2017 contará com mais de 120 eventos, entre 36 concertos e outros espetáculos, sessões de cinema, cortejos alegóricos, desfiles populares, concursos tradicionais, passeios históricos, peddy papers, exposições, workshops e visitas guiadas.

Nos seis domingos da feira, a entrada será gratuita. Apenas 16 dias serão pagos, sendo que os bilhetes podem ser adquiridos em vários postos de venda um pouco por todo o País. Para todos os dias a organização assegura programação de palco e momentos de animação.

Com o slogan ‘a melhor programação de sempre’ , destacam-se este ano mais de uma dezena de experiências e realizações, entre as quais o ‘Dia de Viriato’, o ‘Festival Internacional de Folclore de Viseu’, o concurso dos vestidos de chita (com inscrições abertas até amanhã), o Passeio Histórico de Automóveis Antigos, o cinema ao ar livre e a ‘Banda Desenhada’. O artesanato vai estar em destaque com exposições, ateliers e trabalhos ao vivo.

A feira em números
240
É o número de expositores permanentes na Feira. Dez por cento dos expositores são estreantes, sobretudo de Viseu. O concelho de Viseu representa 34% dos expositores permanentes e a região no seu todo 45%.
50 000
Metros quadrados de animação e experiências para toda a família.
10 000
Metros quadrados das mais variadas diversões.
275 000
É o número de lâmpadas, em 12 km de fio luminoso. É o maior evento de luz do País.
120
São os eventos do programa, que incluem concertos, cinema, folclore, artesanato, concursos, dias temáticos.
1 029 000
Foi o número de entradas. registadas em 2016 (constituiu o ano recorde).

Decoração e novas ruas temáticas serão novidade
A decoração do recinto da feira de São Mateus é sempre outro motivo de muito interesse e que gera sempre grande expectativa. Este ano não vai fugir à regra e em preparação estão várias novidades.
Uma praça-jardim, com cerca de 900 m2, sombreada e com difusão de vapor de água, irá nascer na ‘praça de Viriato’, como espaço de encontro, de eventos e de descanso para os visitantes. Durante a feira será apresentado o projeto municipal ‘Viseu Arena’, a futura sala de espetáculos da cidade de Viseu, que promete ser a maior da região Centro, com uma capacidade superior a 5000 pessoas. A autarquia está a preparar uma "experiência imersiva" no certame para conquistar futuros públicos. Será apresentado o novo espaço dedicado à história da feira, com um espaço dedicado a conhecer cartazes históricos, programas antigos e objetos singulares.   

Enguia é das iguarias mais antigas do certame
Ir à feira de São mateus significa provar as enguias de conserva da Murtosa. Na edição deste ano, os vendedores de enguias, em molho de escabeche ou fritas, vão ter uma nova rua no recinto, com novas esplanadas. 

Percussão com bombos e tachos
Uma grande orquestra de percussão comunitária abre e encerra a Feira. Trata--se de um projeto original, que promete surpreender, pois aos instrumentos convencionais, como os bombos, juntam-se objetos que ilustram o certame, como tachos, amuletos, baldes, entre outros. A Orquestra vai apresentar um reportório original durante as suas atuações. 
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)