Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
9

Tudo sobre as Festas de Lisboa

A capital celebra os Santos com um programa diverso, pensado para todos os gostos.
Mariana Norte 9 de Junho de 2017 às 14:00
Ilustração do Santo António
Ilustração do Santo António FOTO: Direitos Reservados
No mês das festas populares a cidade ganha uma animação diferente e os bairros vestem-se de gala para os festejos.

Em 2017 também se celebra, até ao fim do ano, a cidade como Capital Ibero-americana da Cultura, e isso não vai passar ao lado das festas da cidade.

Há bifanas e sardinhas, mas também gastronomia indiana e trajes japoneses por Lisboa. Dos arraiais às marchas, conte com animação a rodos e programas para toda a família.

Este ano luta-se contra o preconceito, discriminação e barreiras culturais.

Nesse sentido, a câmara criou um programa multicultural que apela à união entre os povos e ao convívio nas festas.

Deixem passar as rainhas mais apetitosas do Santo António
Nasceram do lema ‘Faça Você Mesmo’, a tradição pegou moda e 60 países entraram na brincadeira. Cinco sardinhas foram eleitas vencedoras e partiram da criação de Patrícia Penedo, Antonio Aragüez, Ana Melo, Miguel Angel Camprubi e Joana Não. Ilustram a boa disposição, o convívio e a ‘cusquice’ das vizinhas. Dão cor aos amores lisboetas e à história de um pescador que trocou uma sereia por uma sardinha. Personificam a fanfarra, as latas, os bairros e o fado. Poderá vê-las em exposição no Museu de Lisboa e inspirar-se. 

Bairros desfilam na Avenida com marchantes convidados
A Avenida da liberdade pinta-se de cores e alegria para receber os marchantes. E não só de Lisboa. No dia 12, segunda-feira, a partir das 21h00, as marchas convidadas vêm de Leiria, Quarteira e Viseu para animar a festa. No dia 17, a festa é dedicada aos mais novos, 700 crianças desfilam pela Praça do Império e o Jardim Vieira Portuense, em Belém, a partir das 16h30 e pela tarde fora. Há atuações de 17 grupos.

Bailaricos para pôr todos a dar um pezinho de dança
Os arraiais vieram para ficar pela madrugada fora e só se despedem em julho. No bairro da Graça, o Arraial da Vila Berta promete festa rija e há sardinhas e bifanas até dia 13, das 18h00 às 24h00. Em Alvalade, o Santo António festeja-se até dia 18 no Parque de Jogos 1.º de Maio, Inatel. A 5.ª edição do arraial de Benfica, na alameda Padre Álvaro Proença, conta com a presença de Quim Barreiros (22), D.A.M.A (23), Carminho (24) e outros convidados. 

Miguel Araújo toca à borla nos Armazéns do Chiado
Os Armazéns do Chiado juntam-se às Festas de Lisboa para um concerto muito aguardado, a apresentação do mais recente projeto do cantor Miguel Araújo, o álbum ‘Giesta’. A entrada é livre e o encontro com o público está marcado, à porta dos Armazéns, para as 19h00 de hoje. Para quem procura uma romaria de espetáculos, pode ainda passear por estes dias pelo castelo de São Jorge, para ouvir fado. Nos jardins está programada uma competição de bandas.

Dezasseis casamentos alfacinhas    
abençoados por santo antónio, os noivos vão dar o nó dia 12 numa cerimónia tipicamente lisboeta. A partir do meio-dia, os casais realizam o seu sonho. A cerimónia é realizada com o apoio da câmara municipal.
Os casais vão brilhar entre os Paços do Concelho (casamentos civis), a Sé (casamentos religiosos) e a Avenida. No dia 13, as festividades continuam, desta vez com a procissão de agradecimento ao santo casamenteiro. O percurso tem início na Igreja de Santo António de Lisboa, às 17h00.

Jogos de palmo e meio no jardim
Mil jogos à escolha para um dia inteiro de diversão em família, é assim o festival dos jogos e da diversão. Seis aldeias lúdicas ao ar livre estarão abertas das 10h00 às 20h00 no Jardim do Campo Grande: Aldeia dos Jogos Multimédia, Aldeia dos Jogos de Sociedade, Aldeia dos Jogos Populares, Aldeia das Crianças, Aldeia dos Jogos Desportivos e Aldeia das Construções. Os embaixadores Nuno Markl, Ana Galvão e Fernando Alvim asseguram muita diversão entre os dias 23 e 25 deste mês. Bilhetes a partir de 4 €. Até dia 18, na ‘Rota dos Jardins’, há ainda uma peça de teatro de Catarina Requeijo, ‘Muita Tralha, Pouca Tralha’, no Jardim da Cerca da Graça, às 17h30. O jardim da Quinta da Alfarrobeira, em São Domingos de Benfica, também vai receber concertos ao ar livre à noite, de dia 17 a 30 deste mês. Na última data, o espetáculo vai ter a presença da atriz Sofia Aparício. 

Cor da sardinha
Uma manhã para dar largas à imaginação e cor para criar sardinhas, no Museu de Lisboa, a partir das 11h00 do dia 11. Entrada livre.

O Outjazz sai à rua aos domingos
Jazz com direito a sunset no Jardim do Campo Grande, nos dias 11, 18 e 25, das 17h00 às 21h00. Entrada livre.

Pelas ondas da Ribeira das Naus
O Lisboa Go Surf mostra o mundo das ondas na Ribeira das Naus, dia 29 e 30. Entrada livre. Haverá cinema ao ar livre – ‘Surf at Lisbon Film Fest’, com pintura de pranchas. 

Pé de dança
À moda do Minho festeja-se o festival do folclore. A partir das 16h00, a Casa do Minho promove na Quinta das Conchas mais uma edição com vários grupos de dança e muita música dia 18.

Tango na Graça
Até dia 11, a Voz do Operário abre portas ao Tango e ao Fado. Há workshops e aulas para todos os níveis. n

Fado com história
O castelo de São Jorge vai dar as boas-vindas aos amantes do fado, com espetáculos hoje e amanhã, a partir das 22h00. Entrada livre.

Olha o Com’Paço
O Festival de Bandas de Lisboa Com’Paço conta com a participação de seis bandas filarmónicas, que se farão ouvir no Jardim de São Bento e no Jardim Fernando Pessa entre os dias 18 e 24. 

Entre marionetas
O Teatro das Sombras pegou nos trapinhos e vai entreter as famílias. No programa, o Museu da Marioneta, na rua da Esperança, apresenta um pequeno teatro sobre a origem das sombras chinesas. Depois, cada participante irá construir a sua própria marioneta. A atividade tem início às 10h30 do dia 17 e tem duração.

Cultura à solta
Cerca de 25 associações participam durante todo o fim de semana, dias 17 e 18, numa mostra de trabalhos, na Ribeira das Naus, que alerta para a luta contra o preconceito, o racismo e a xenofobia. Os trabalhos estarão expostos das 16h00 às 02h00 e darão visibilidade a projetos pouco divulgados.

América perto
Do Brasil ao Equador, com passagem pelo Jardim do Palácio Pimenta, os sons de Cuba e da Argentina fazem-se ouvir entre os dias 18 e 25. A entrada é livre.

Festa do Japão
Dia 24 há origamis e artes marciais no Parque das Nações. A Embaixada do Japão organizou atividades para dar a conhecer esta cultura. A partir das 16h00 pode aprender a escrever numa nova língua. n

Tarde indiana
A comunidade hindu de Portugal vai dar workshops sobre chá, trajes tradicionais, jogos, henna e gastronomia indiana. A partir das 18h00 do dia 25, a Quinta da Nossa Senhora da Paz recebe uma tarde onde se apela à diversidade.

Ida às Tasquinhas
O Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, em Marvila, reúne um evento de gastronomia, produtos regionais, artesanato e tasquinhas, ‘Marvila dos sabores’ de dia 23 a 25. Entrada livre.

Fim de semana desportivo
A Quinta das Conchas promove dois dias de exercício físico intensivo, com eventos desportivos para combater os excessos das festas. Dias 17 e 18, das 9h00 às 19h00. Acesso livre.

Baila Lisboa
Um enorme salão de baile à beira Tejo, na Praça do Comércio, vai pôr todos a mexer ao som de Gipsy Kings. Acontece dia 1 de julho. A noite começa às 22h00 e prolonga-se com outros convidados.
festas de lisboa Santos Populares Santo António
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)