Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
4

Yann Tiersen está de regresso a Portugal

Compositor francês mostra o seu novo disco ‘All’, dia 29 no Campo Pequeno, em Lisboa, e dia 30 no Coliseu do Porto.
Miguel Azevedo 29 de Setembro de 2019 às 17:00
Yann Tiersen
Yann Tiersen FOTO: Direitos Reservados
Ele tem sido presença regular em Portugal nos últimos vinte anos e os admiradores da música instrumental e ambiental têm nele uma velha paixão. Yann Tiersen passa dia 29 de setembro pelo Campo Pequeno, em Lisboa, e no dia seguinte pelo Coliseu do Porto.

As datas fazem parte da nova digressão europeia de apresentação do álbum ‘All’, editado em fevereiro e gravado na ilha de Ushant, na costa oeste de França, onde o músico vive. ‘All’ está marcado pela temática do ambiente, já presente no álbum anterior ‘EUSA’, de 2016, e as composições estão impregnadas de sons gravados na natureza, na região da Bretanha e nos Estados Unidos.

‘All’ é o primeiro disco a ser gravado no novo estúdio do músico – o centro comunitário, The Eskal, construído numa discoteca abandonada em Ushant, uma pequena ilha no Mar Celta entre a Bretanha e a Cornualha, também casa de Tiersen nos últimos 10 anos.

Com formação clássica e experiência no rock, Yann Tiersen, 48 anos, tem uma dezena de álbuns autorais editados desde 1995, entre os quais ‘Le Phare’ (1998), ‘L’absente’ (2001) e ‘Dust Lane’ (2010), e seis álbuns de composições para cinema. É dele a música original dos filmes ‘O fabuloso destino de Amélie Poulain’ (2001), de Jean-Pierre Jeunet, e ‘Adeus, Lenine’ (2003), de Wolfgang Becker.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)