Barra Cofina

Correio da Manhã

C Studio
8
C-Studio
i
C- Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo
É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Cinco sementes deliciosas para incluir na dieta

Ricas em nutrientes e com múltiplos benefícios para a saúde, as sementes são pequenas em tamanho, mas enormes na versatilidade.
30 de Abril de 2019 às 07:46

Basta scrollar pelo feed de Instagram, dar uma olhada nos posts das nutricionistas mais cool ou clicar no hashtag #cleaneating para encontrar – entre os mais de 43 milhões de publicações – um sem-fim de imagens apetitosas de pratos polvilhados das mais variadas sementes. Das saladas coloridas aos smoothies verdes, não restam dúvidas de que estes pequenos complementos são uma das forças do movimento da dieta alimentar saudável.

As sementes são preciosas fontes de glória nutricional, carregadas de fibra, proteína, gorduras saudáveis, vitaminas, minerais e antioxidantes. São também extremamente versáteis, podendo ser facilmente incorporadas em diferentes receitas. Impulsionam o sabor, garantem benefícios nutricionais e acrescentam aquele elemento crunchy que nos faz chorar por mais. Com múltiplos benefícios, há opções para todos os gostos e necessidades. É só escolher! 

Pura Vida: o melhor perfil nutricional, sempre com bom sabor

Cada vez mais, as pessoas procuram alternativas em produtos com ingredientes genuínos e com o mínimo de aditivos possível. A pensar nos que seguem o movimento da alimentação saudável e do comer limpo, o Pingo Doce lançou a gama Pura Vida, com produtos sem leite e/ou sem lactose, sem glúten, aptos para vegetarianos e/ou vegans e com opções integrais. Tudo para garantir o melhor perfil nutricional possível, mantendo sempre o bom sabor dos alimentos.

Prestar mais atenção à dieta, fazer melhores escolhas alimentares, seguir uma dieta equilibrada e cozinhar simples e fresco nunca foi tão fácil!

Ainda não conhece os básicos nutricionais de cada um destes saborosos complementos? Um par de ideias sobre como as incorporar na dieta também vinha mesmo a calhar. Não concorda? Ora vamos lá ao guia das cinco sementes Pura Vida:

1. Sementes de girassol, fonte de ferro e proteína

Ricas em gorduras saudáveis, as sementes de girassol contêm alto teor de fibra, vitamina B1, fósforo, magnésio e zinco. São também fonte de ferro e proteína. Podem ser usadas, tal qual, como aperitivo, como topping em saladas, pratos de peixe, carnelegumesgranolas e iogurtes, e ainda enriquecer receitas de pães, muffins e até cheesecakes para aumentar o perfil de nutrientes.

Uma dica: experimente esmagar as sementes num almofariz até criar uma espécie de farinha para usar em alternativa ao pão ralado em panados de peixe ou frango.

2. Sementes de chia, antioxidantes para juntar a qualquer prato

Não se deixe enganar pelo tamanho: estas minúsculas sementes são capazes de oferecer proteína, ómega 3, vitaminas B1 e B3, minerais como ferro, cálcio, magnésio, fósforo, zinco, potássio e manganês – o que as torna antioxidantes, entre outras funções.

Além disso, são fáceis de adicionar aos pratos favoritos. Basta pulverizar – em cereais, vegetais ou iogurtes – para um boost adicional de nutrição e sabor. Demolhar é outra opção, já que quando misturadas com água incham e formam uma espécie de gel. Experimente uma receita de pudim de chia para uma sobremesa saborosa!

3. Sementes de sésamo, com muita fibra e muita proteína

Pequenas, pequeníssimas, e bastante populares em pratos asiáticos, estas sementes contêm cerca de 14% de proteína e muita fibra. Apresentam alto teor de vitamina B1, cálcio, fósforo, ferro, magnésio e zinco. São ainda fonte de vitaminas B3 e B6. As sementes de sésamo são um dos ingredientes principais do húmus quando moídas. Já ouviu falar de tahini? Faça uma pesquisa rápida. Pode usar este método para fazer um creme ou pasta de barrar sem recorrer a frutos secos, ideal para os que têm alergias alimentares.

Use também em substituição da maionese, por exemplo, em hambúrgueres, sanduíches ou wraps. Em estado natural, use as sementes de sésamo em sobremesas, saladas, pratos de peixe, legumes cozidos e salteados para uma textura crocante. Polvilhe também sobre pães e tostas.

4. Sementes de abóbora, um snack saboroso e nutritivo

Está mesmo (mesmo!) a apetecer um snack? É sinal de que chegou a hora de ir ao Pingo Doce para comprar um pacote de sementes de abóbora Pura Vida. Pode parecer estranho para os que ainda são uns amadores nisto das sementes, mas prometemos que vai adorar, tanto em sabor – subtilmente adocicado – como em qualidade nutricional. O melhor de dois mundos, portanto. As sementes de abóbora são fonte natural de zinco que, entre outras funções, é importante para a manutenção da pele, do cabelo, dos ossos, das unhas e da visão.  São também fonte de fibra e de proteína.

Experimente passar para um upgrade nos snacks – mais nutritivos e saborosos –, ou adicionar a sopas, papas de aveia, muffins, smoothies, granolas e barras energéticas.

5. Sementes de linhaça, super nutritivas

Nutrientes, mais nutrientes, sobre nutrientes. Apenas duas colheres de sopa de sementes de linhaça (cerca de 20g) prometem 5 gramas de fibra e 4 gramas de proteína. Contêm ainda alto teor em fósforo, ferro, magnésio, zinco e ácido alfa-linolénico, um tipo de ácido gordo ómega 3. Este último contribui para a manutenção de níveis normais de colesterol no sangue.

Adicione-as em muffins, pães, massas, bolos, bolachas, saladas, iogurtes, smoothies, cereais e sopas.


Assim é fácil entender o apelo destes pequenos (grandes) alimentos mágicos para uma nutrição mais equilibrada. Apesar de estas sementes serem calóricas, quando consumidas em pouca quantidade e integradas numa alimentação saudável, têm benefícios para a saúde.

Não se esqueça! A melhor forma de seguir uma alimentação saudável é aderir ao velho e bom ditado: "Um pouco de tudo, por favor." Não poupe nas sementes!