Barra Cofina

Correio da Manhã

C Studio
8
C-Studio
i
C- Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo
É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

EDP Distribuição agora é E-REDES. Saiba o que muda

A rede de distribuição de eletricidade muda de nome, mas garante a mesma qualidade de serviços aos portugueses.
22 de Março de 2021 às 09:42

É um daqueles bens que se dão por garantidos, até alguma coisa falhar. A eletricidade é um bem de primeira necessidade em todas as casas, e as longas horas, multiplicadas por dias e meses de confinamento, apenas vieram provar o quão necessário é um bom serviço de eletricidade, sem falhas e com resposta a todas as necessidades. Por exemplo: com o teletrabalho e o ensino à distância, os dispositivos ligados em cada habitação multiplicaram-se, o que implicou, para muitas famílias, uma alteração de potência contratada. Identifica-se?

Independentemente da empresa de eletricidade que tenha contratado, a instalação era sempre feita pela EDP Distribuição, o que se tornava confuso para os milhões de consumidores.

Porque mudou a EDP Distribuição para E-REDES?

Sucintamente, para evitar confusões entre as várias empresas do grupo EDP. A empresa mantém-se, mas há uma mudança de marca e de designação comercial, para melhor representar aquilo que a E-REDES é: um serviço de distribuição de eletricidade singular, que funciona em regime de concessão em colaboração isenta com os vários agentes de eletricidade. Esta mudança surge impulsionada pela liberalização dos mercados de energia e pela necessidade de haver uma clara separação de atividades e de imagem entre operadores de um mesmo grupo, seguindo diretrizes transversais na União Europeia. 

 

O que muda para o consumidor?

Na prática, nada. A E-REDES assegura a distribuição exatamente da mesma forma, com a mesma qualidade e a mesma rapidez de resposta. Os canais para contactar o distribuidor de eletricidade também são os mesmos, tal como o empenho numa empresa com forte responsabilidade social.

A única coisa a que os consumidores têm de estar atentos é ao possível contacto pessoal, que agora passa a ser feito por colaboradores identificados pela marca E-REDES, e que terão sempre o novo logo no seu colete, quando por algum motivo tiverem de se deslocar a sua casa. É, por isso, muito importante que transmita esta informação a todos os familiares, amigos e conhecidos: a identificação E-REDES é imperativa para se assegurar que não estão perante uma fraude. Este alerta é especialmente relevante para pessoas mais idosas, que possam não estar tão atentos ao rebranding da marca. 

E-REDES: uma rede de contactos




• Linha de apoio ao cliente: 800 100 100 ou 218 100 100

• Site: e-redes.pt

• App: disponível para Google Play ou App Store




Que serviços presta a E-REDES? 

Esta é outra dúvida muito comum: perante algum problema de eletricidade, a tendência é a de contactar a empresa contratada, que reencaminha o problema para o distribuidor. Isto acontece porque é a E-REDES que é responsável pelo fornecimento de eletricidade para todos os consumidores. É também a responsável pela instalação, gestão e conservação de toda a rede de distribuição de eletricidade, independentemente de qual o agente contratado, de forma isenta e diferenciadora de todos os agentes.

Todos os serviços no domicílio, como é o caso da ligação ou desligação do serviço elétrico, a execução de alterações contratuais – por exemplo, mudanças na potência contratada -, a medição periódica dos consumos (leitura presencial) e a disponibilização de suporte ao funcionamento do mercado são também garantidos pela E-REDES. Está ainda sob sua alçada a resolução de avarias que causem falta de eletricidade. E se já tem ou já ouviu falar dos "equipamentos de medição inteligente", vulgarmente conhecidos por contadores inteligentes… é também a E-REDES que se responsabiliza pela sua instalação e substituição.

Em 365 dias…




• 34 milhões de leituras dos consumos energéticos

• 56% das leituras feitas presencialmente

• 1,5 milhões de ordens de serviço executadas

• 70 mil pedidos de ligação à rede

• 4,9 milhões de interações comerciais




A E-REDES vende serviços ao domicílio?

Não! É por este motivo que é tão importante reconhecer a nova marca que garante a distribuição em sua casa, de forma a evitar burlas ou fraudes. A E-REDES não faz cobranças, não vende nem promove qualquer serviço ao domicílio. As únicas intervenções presenciais são para resolução de avarias, alterações contratuais, ligações e desligações ou para fazer leituras. Não se deixe enganar, não dê dinheiro, não assine nada que seja em nome da E-REDES que não tenha sido solicitado. Procure sempre a identificação da marca e peça a credencial, se estiver com dúvidas.

Se suspeitar de atuação inadequada ou tiver dúvidas sobre o técnico, contacte a E-REDES pelas linhas de apoio ao cliente: 800 100 100 ou 218 100 100.