Barra Cofina

Correio da Manhã

C Studio
6
C-Studio
i
C- Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo
É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Obras em casa? 7 dicas a ter em conta antes de começar

Esta é a altura ideal para fazer obras, quando o tempo ainda está agradável, mas sem o calor excessivo do verão, o que permite ter as janelas abertas, para a casa arejar durante a intervenção.
13 de Outubro de 2022 às 11:13

Periodicamente devemos fazer uma revisão ao estado geral da casa e perceber como estão os materiais. Uma torneira que fecha mal, um autoclismo que verte água ou uma janela que deixa entrar ar são, por vezes, problemas desvalorizados, mas que podem fazer diferença nas contas ao final do mês.

E se é de contas que se trata para não avançar com as obras de que a sua casa precisa, saiba que essa não deve ser uma preocupação.

Se procura um Crédito Pessoal sem finalidade específica, com um processo de contratação simples, rápido e 100% digital para fazer obras em casa, o crédito do Banco Primus é para si! Ligue 212 430 425 (custo de chamada nacional para rede fixa) ou visite o site www.bancoprimus.pt e faça a sua simulação. Assim, só tem de pôr mãos à obra e seguir estes sete passos:



# Dica 1


Identificar o que precisa de ser mudado ou substituído em sua casa é o primeiro passo para qualquer obra, seja ela grande ou pequena.



# Dica 2


Assim que souber o que quer fazer, informe-se bem das obrigações legais, uma vez que, dependendo do grau da intervenção, pode ser necessária autorização da câmara municipal e precisar de um profissional para assinar o projeto.




# Dica 3


Definir o orçamento disponível e qual o máximo que pretende gastar é o passo seguinte. Saber que conta com o Banco Primus é um descanso, mas mesmo assim, deve ter bem presente o valor que quer gastar.



# Dica 4


Pedir orçamentos e comparar preços é outro passo imprescindível. Peça referências a pessoas conhecidas, mas não avance nunca apenas com um orçamento apresentado. Deve comparar com, pelos menos, outros dois, e analisar também os prazos de execução propostos. E não se esqueça depois de acrescentar uns dias aos prazos que são indicados. São raros os trabalhos que veem os prazos cumpridos.




# Dica 5


Se souber fazer alguma das tarefas necessárias, compare preços de materiais e faça. Mas se nunca o tiver feito, opte por confiar o projeto a pessoas especializadas e competentes. Às vezes o barato sai caro, tanto a nível de materiais como de execução dos trabalhos.



# Dica 6


Caso a sua obra seja mais aprofundada, ou pretenda otimizar os espaços, seja a nível de conforto ou de iluminação, por exemplo, não prescinda do trabalho de um arquiteto ou designer de interiores. Estudaram para saber apresentar as melhores soluções, e nem sempre as ideias que se encontram no Pinterest são a melhor opção para a sua casa.



# Dica 7


Conte sempre com mais algum dinheiro, além do orçamento definido, para eventuais imprevistos. Em obras, nunca se sabe o que se pode encontrar, e por vezes há problemas que só se descobrem quando se começa a trabalhar.

Por fim, tenha sempre em mente que a sua casa é um dos locais onde passa mais tempo. Deve estar adaptada a si, ser confortável e um porto de abrigo, onde sabe bem estar. Por isso, o investimento que fizer está a fazê-lo para si e para a sua família. E para o apoiar pode sempre contar com o Banco Primus.




Um crédito para as Obras em forma de Spa

Experiências incríveis


O Banco Primus tem mais para lhe oferecer. Ao subscrever o Crédito Pessoal Banco Primus, receberá, automaticamente, um voucher de 300 euros (TAEG desde 10,20%*) que poderá trocar pelas melhores experiências de beleza e bem-estar, atividades desportivas, em família, a dois ou individuais, para desfrutar antes ou depois das obras em casa.

Neste tutorial explicamos como poderá solicitar o seu crédito pessoal de forma simples, rápida e 100% digital, através do simulador online, em apenas cinco passos:




A presente página é oferecida pelo Banco Primus S.A. registado junto do Banco de Portugal sob o n.º 246

* Exemplo para um Contrato de Crédito Pessoal sem finalidade específica. Montante de crédito solicitado de 4.500€, ao que acresce Imposto do Selo de Abertura de Crédito devido de 118,80€, com reembolso em 60 prestações mensais constantes de 95,58€. Contrato de crédito a taxa fixa com Taxa Anual Nominal (TAN) de 9,600% e Taxa Anual Efetiva de Encargos Global (TAEG) de 11,7%. Montante Total Imputado ao Consumidor (MTIC) 5.853,60€. As condições apresentadas não contemplam a subscrição de quaisquer seguro(s) facultativos relacionados com o crédito. Proposta sujeita a análise de solvabilidade e aprovação pelo Banco Primus, S.A. registado no Banco de Portugal sob o n.º 246. Não dispensa a consultada informação pré-contratual e contratual legalmente exigida. Condições em vigor até 31/12/2022.
Condições de Campanha: Exclusivo para novos contratos de crédito pessoal sem finalidade específica celebrados até 31 de dezembro de 2022. Utilização sujeite aos termos e condições específicos da sua utilização.