Barra Cofina

Correio da Manhã

Sedução

C-Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo Cofina. É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Sedução Vibrolandia

Farto d’O Missionário? Conheça estas quatro variantes da posição!

Sexo confortável não precisa de ser aborrecido. Uma pequena inovação pode dar-lhe novos níveis de prazer.
2 de Abril de 2019 às 11:22

É a posição mais conhecida do Kamasutra e é considerada a mais básica de todo o rol. O missionário é um clássico que implica pouco esforço e poucas acrobacias, o que o torna confortável para relações rotineiras.

Mesmo que a elasticidade e o contorcionismo não sejam palavras que queira adicionar ao dicionário sexual com o seu parceiro, pode variar na posição. Estas sugestões ajudam a dar um twist à posição, sem abrir mão da facilidade de as executar. E mesmo que se mantenham na posição clássica, podem inovar com acessórios, como uma barra separadora que a deixará em posição.

Em perpendicular

Nesta posição, o contacto visual com o parceiro torna a relação mais intensa e mais íntima. O homem deita-se de lado, e a mulher deita-se em perpendicular com as pernas por cima das ancas dele. O ângulo reto permite uma penetração mais profunda.

Nirvana

A posição de base mantém-se aqui, com a mulher deitada na horizontal, por baixo, e ele na horizontal por cima dela. A diferença? A mulher deve agarrar-se à cabeceira da cama, tomando controlo dos movimentos. Quanto mais esticada ela estiver, mais intenso será o prazer.

O assento de lótus

Uma das principais preocupações quando o missionário é posição recorrente prende-se com a profundidade da penetração, que nem sempre é a desejada tanto por eles como por elas. Na variante do assento de lótus, atingem-se novos níveis, aumentando o prazer. A mulher deve ficar deitada de costas, mas com os pés nas coxas do parceiro (ficando aberta, como uma flor de lótus). Para ajudar a manter a posição, podem utilizar uma funda. O homem debruça-se sobre ela, de joelhos, criando um ângulo mais profundo e potenciando a probabilidade de tocar o ponto G.

O número 8

Nesta variante, a mulher deita-se de costas, com as pernas arqueadas e com uma almofada nas costas, para elevar o tronco. O homem deita-se por cima, com os braços a criar apoio, e ela agarra-lhe na cintura, para ajudar a marcar o ritmo e a intensidade. Nesta posição há uma especial estimulação do clitóris, o que potencia orgasmos mais rápidos e mais intensos.

Kamasutra missionário sexo vibrolândia posições quebrar a monotonia

Mais Noticias de Quebrar a Monotonia