Correio da Manhã

Cai de quarto andar ao fugir à polícia
Foto Filipe Farinha
PSP
Foto Pedro Noel da Luz
PSP
Foto João Santos
PSP
Foto iStockphoto
PSP
Por Sérgio A. Vitorino | 01:30
  • Partilhe
Homem atacou ‘ex’ de quem estava proibido de se aproximar.

Um homem de 28 anos, judicialmente proibido de se aproximar da ex-companheira por causa de um processo por violência doméstica, desobedeceu esta segunda-feira de manhã à ordem do tribunal e agrediu-a na casa desta, na Amadora.

A PSP foi alertada e, numa tentativa de se esconder, o homem acabou por cair do quarto andar onde tudo se passou. Encontrava-se ao final da tarde internado em estado grave no Hospital de São Francisco Xavier.

Segundo apurou o CM junto de fontes policiais, o alerta chegou às autoridades pelas 07h00 através do aparelho de teleassistência a vítimas de violência doméstica que tinha sido entregue à mulher de 35 anos.

Ao chegarem ao prédio no centro da Amadora, os agentes encontraram a vítima muito combalida. Os agentes da Esquadra da Reboleira não testemunharam qualquer agressão, mas tudo indiciava que a mulher foi sovada.

Os polícias começaram então a vasculhar a casa à procura do homem. Este escondeu-se num quarto e depois ter-se-á pendurado do lado de fora da janela numa tentativa de se esconder dos agentes. Mas escorregou e caiu do quarto andar, caindo desamparado em plena rua.

PUBLICIDADE
Os bombeiros da Amadora e uma viatura médica do INEM assistiram o homem, que foi transportado para o Hospital de São Francisco Xavier com várias fraturas, principalmente na bacia. Não corre risco de vida.

A mulher encontrava-se "muito combalida" e acabou por ser levada para o Hospital Amadora-Sintra. A PSP da Amadora investiga o caso.

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE