Correio da Manhã

Sai um caril
Foto Pedro Catarino
Camarão e quiabos temperados com um misto de especiarias e ervas frescas
09:00
  • Partilhe
Veja os passos que tem de seguir para conseguir fazer o caril de camarão do chef Vasco Lello.

Na cozinha do chef Vasco lello, no Café Colonial Restaurante & Bar do novo Hotel Memmo, no Príncipe Real, em Lisboa, há no ar um cheiro a Oriente, a Ásia e a África. O aroma vem das mais variadas especiarias que o chef aplica nas suas receitas. E no dia em que a ‘Sexta’ o visitou, tinha acabado de moer cardamomo, canela, açafrão, cominhos e pimentas. Preparava-se para picar hortelã, coentros e gengibre frescos.

Um misto de cheiros e sabores que usou para temperar um caril de camarão e quiabos. Um prato exótico que tem qualquer coisa de quente e ao mesmo tempo de fresco. E que termina com um picante suave e aromático muito agradável.

O objetivo está cumprido. O chef quer que os clientes do seu restaurante viagem pelo Mundo através das suas receitas. O menu do Café Colonial foi estudado minuciosamente numa recolha de receituário que o levou até ao baú dos seus avós.

Foi daí que surgiu a inspiração para criar, por exemplo, as asinhas de frango fritas com molho piripíri suave, quiabos e amendoim, a bochecha de porco estufada, a corvina com carolino de Bulhão Pato ou o bacalhau de inspiração oriental, servido com manteiga de miso, cogumelos shitake e couve pak choi.

Caril de Camarão

Para fazer esta receita para quatro pessoas: 20 Camarões 20/30, leite de coco (0,5 lt), Quiabos (200 g),  tamarindo (100 g), chalotas (100 g), coco fresco QB, óleo de amendoim (75 ml). para a pasta precisa dos seguintes ingredientes: Chalotas (250 g), coentros (150 g), gengibre (50 g), hortelã (100 g), sumo de uma lima, dentes de alho (4). Para a mistura das especiarias: uma colher de chá de sementes de coentros, de cardamomo, de feno grego e cominhos. 1/2 colher de chá de pimenta preta, pimenta branca, açafrão das índias e de canela. 1/2 colher de café de cravinho e macis.



PUBLICIDADE
Descasque os camarões e faça um caldo com as cabeças (deverá obter cerca de 1,5 lt). Reserve para usar mais tarde. A seguir Junte todos os ingredientes da pasta. coloque num processador de alimentos e triture bem. Reserve.

Leve ao lume num tacho largo com um fio de óleo as chalotas picadas e deixe refogar ligeiramente, adicione a pasta que fez anteriormente e mexa até que os aromas se libertem.



Junte todos os ingredientes da mistura de especiarias e triture num moinho de café elétrico.  Quando tiver triturado junte ao preparado anterior duas colheres de chá e mexa.

Coloque o caldo de camarão e deixe levantar fervura. Deixe reduzir até metade e adicione o leite de coco, tempere com sal. Adicione o tamarindo descascado e sem sementes e cozinhe até que se desfaça.

PUBLICIDADE




Passe o caril num coador, retifique de sal e cozinhe aí os quiabos. Quando estiverem tenros adicione o camarão
e deixe cozinhar em lume fraco por 5 min. Sirva de imediato com lascas de coco e folhas de coentros.

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE