Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

15 feridos após polícia marroquina impedir protestos

Protestos pró-independência do Saara Ocidental foram brutalmente dispersados pela polícia.
2 de Maio de 2014 às 21:28

Quinze pessoas ficaram feridas depois de a polícia marroquina ter dispersado duas manifestações pró-independência do Saara Ocidental, nas últimas 48 horas e à margem da visita de uma delegação da ONU, informaram esta sexta-feira Organizações Não-Governamentais (ONG) locais.

Na cidade de Dakhla, várias dezenas de militantes tentaram manifestar-se, agitando bandeiras independentistas, em paralelo com uma visita de membros do Alto-Comissariado da ONU para os Direitos Humanos, declarou à agência noticiosa AFP um responsável de uma ONG, Elmami Amar Salem, acrescentando que "a polícia marroquina dispersou-os à força" e que "houve três feridos".

Na quinta-feira, algumas dezenas de pessoas queriam participar numa manifestação em Laâyoune, a principal cidade do Saara Ocidental, mas a polícia "interveio para as dispersar", referiu, por sua vez, o representante da Associação dos Direitos Humanos marroquina, Hamoud Iguilid, adiantando que 12 pessoas "foram transportadas para o hospital com vários ferimentos".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)