Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Portugueses vão menos às urgências mas com situações mais graves

Lusa 5 de Dezembro de 2014 às 16:15

Um dirigente da Ordem dos Enfermeiros afirmou hoje que os portugueses vão cada vez menos às urgências, mas com situações clínicas mais graves, por causa dos custos associados a uma ida aos serviços de saúde.

A denúncia partiu do presidente da secção regional do sul da Ordem dos Enfermeiros, Alexandre Tomás, com base num levantamento efetuado por este organismo no passado mês de setembro, que analisou dados desse mês nos últimos quatro anos.

Este estudo, que será divulgado em janeiro, analisou as situações em nove unidades de saúde, das quais seis são hospitais.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)