Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Pessoas preferem não saber o futuro, mesmo que seja bom - estudo

Lusa 22 de Fevereiro de 2017 às 14:00

A maior parte das pessoas prefere não saber o que a vida lhe reserva, mesmo que sejam acontecimentos felizes, segundo um estudo hoje publicado pela revista da associação norte-americana de psicologia.

Lembrando Cassandra, da mitologia grega, que tinha o poder de prever o futuro, o autor principal do estudo, Gerd Gigerenzer, afirmou que o trabalho permitiu descobrir que as pessoas preferem recusar esse poder de adivinhar o futuro, quer para evitar o sofrimento que esse futuro pode trazer, quer para evitar arrependimentos, quer para manter o prazer de desconhecer o que de bom ainda está para vir.

Dois estudos que envolveram mais de 2.000 adultos na Alemanha e em Espanha concluíram que entre 85% e 90% das pessoas não queriam saber sobre acontecimentos futuros maus, e que entre 40% e 70% também preferia continuar ignorante sobre acontecimentos futuros bons. Apenas um por cento dos inquiridos disse de forma consistente que queria saber o que o futuro lhe reservava.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)