Governo reconhece muitas sugestões da OCDE mas não tem de as seguir -- Ministro

Por Lusa|18.02.19
  • partilhe
  • 0
  • +

O ministro Adjunto e da Economia afirmou hoje que o Governo reconhece muitos dos problemas e sugestões apresentadas pela OCDE, mas frisou que são propostas da instituição que o executivo "não tem necessariamente que seguir".

No relatório hoje apresentado, a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) diz que Portugal tem demasiadas isenções fiscais e taxas reduzidas, nomeadamente no IVA, e deve minimizar estas situações e alargar a base tributária.

Questionado pelos jornalistas sobre a aplicação das medidas sugeridas pela organização com sede em Paris, Pedro Siza Vieira afirmou que "o Governo se reconhece em muitos desses problemas e em muitas dessas sugestões", mas indicou que "são propostas que o Governo não tem necessariamente que seguir", frisando que "são da responsabilidade da OCDE".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!