Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

40 anos/Timor-Leste: Ramos-Horta considera que pensões de veteranos são "exagero" que minimiza heróis

Lusa 19 de Novembro de 2015 às 03:00

O ex-Presidente timorense José Ramos-Horta considera que a política de pensões para veteranos, aplicada pelo Governo, é um "exagero" que minimiza o trabalho dos que, de facto, deram grande parte da sua vida pela independência.

"Minimiza os verdadeiros veteranos, aqueles que em 1999 com a chegada da Interfet desceram a Díli e no seu historial estavam 24 anos de luta. E todos sabem quem são. Esses merecem todas as nossas homenagens", afirmou em entrevista à Lusa.

A Força Internacional para Timor-Leste (Interfet) foi um contingente multinacional de manutenção da paz das Nações Unidas, organizada e dirigida pela Austrália, em conformidade com as resoluções das Nações Unidas para enfrentar a crise humanitária e de segurança em Timor-Leste, entre 1999 e 2000, até à chegada das forças de paz da ONU.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)