Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Adeptos que viajem ao Brasil devem ir ao médico quanto antes

Malária, febre-amarela e sarampo são alguns dos riscos a que estão sujeitos.
8 de Junho de 2014 às 09:36

O investigador Kamal Mansinho apelou, este domingo, a quem planeie deslocar-se ao Brasil para acompanhar o Mundial que acorra rapidamente a uma consulta do viajante para minimizar os riscos de doenças como a dengue, mas não só.

"A dengue é uma das várias situações para a qual os viajantes que forem ao Brasil para o mundial devem ser aconselhados", disse o cientista do Instituto de Higiene e Medicina Tropical (IHMT) de Lisboa, sublinhando que num país tão vasto como o Brasil os riscos dependem das regiões a visitar.

Malária, febre-amarela e sarampo são alguns dos riscos a que se sujeita quem viaja para o Brasil e a prevenção pode não ser eficaz se não for feita antecipadamente, alertou Kamal Mansinho.

mundial 2014 brasil adeptos médico doenças IHMT
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)