Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Agendado primeiro protesto no campus da Universidade de Macau em território chinês

Lusa 22 de Outubro de 2014 às 11:09

Ativistas pró-democracia convocaram hoje o primeiro protesto no novo campus da Universidade de Macau (UM), localizado na Ilha da Montanha, um território do outro lado da fronteira, na China Continental, mas que se encontra sob jurisdição de Macau.

O protesto, marcado para 31 de outubro, tem como alvo os alegados ataques à liberdade académica - este ano dois professores de Ciência Política perderam os seus empregos, tanto no ensino público como privado - e também alegados casos de assédio sexual na UM.

"Queremos que toda a gente que esteja preocupada com a liberdade académica em Macau participe", apelou Jason Chao, antigo aluno da UM e um dos principais ativistas políticos locais.