Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Al-Qaeda na Síria não tem intenção de atacar o Ocidente

Mas admite fazê-lo no futuro se continuar o apoio ao regime do Presidente Bachar al-Assad.
28 de Maio de 2015 às 00:22
Grupo al-Nusra é a filial da Al-Qaeda na Síria
Grupo al-Nusra é a filial da Al-Qaeda na Síria FOTO: Atef Safadi/EPA

O líder da Frente al-Nusra afirmou esta quarta-feira que por enquanto não tem a intenção de lançar ataques contra o Ocidente, mas admitiu fazê-lo no futuro, se continuar a apoiar o regime do Presidente Bachar al-Assad.

"Temos ordens para não atacar agora o Ocidente e a Europa, mas isso pode mudar se continuarem a apoiar o regime" de Bachar al-Assad, disse esta quarta-feira Abu Mohamed al-Yulani, cujo grupo é a filial da Al-Qaeda na Síria, durante uma entrevista à estação de televisão Al Jazeera.

Desta forma, acusou os EUA e os países ocidentais de apoiarem o governo de Damasco: "A prova está em que atacam a Frente al-Nusra sempre que pressionamos Al-Assad", avançou.

Frente Presidente Bachar Europa Abu Mohamed Al-Qaeda Síria Al Jazeera EUA distúrbios guerras e conflitos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)