Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Amnistia condena pena de morte para presumíveis separatistas muçulmanos na Tailândia

Lusa 28 de Novembro de 2014 às 05:27

Grupos de defesa dos direitos humanos, incluindo a Amnistia, criticaram as autoridades tailandesas por condenarem cinco presumíveis separatistas muçulmanos à pena de morte, afirmando que a punição faz muito pouco pela promoção da paz na conturbada região do sul.

Os cinco homens foram condenados na quarta-feira por um tribunal provincial de Pattani por terem morto a tiro quatro soldados em julho de 2013, informou o Thai Rath, jornal com a maior circulação no país.

Os homens foram identificados como Ismail Daong, Masahadi Methor, Gordae Jatae, Nimuhammud Niseng e Hisbulloh Buesa.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)