Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Angola confirma que desistiu de dinheiro do FMI e que quer apenas apoio técnico

Lusa 11 de Julho de 2016 às 13:09

O Ministério das Finanças angolano confirmou hoje que o Governo descartou um apoio financeiro do Fundo Monetário Internacional (FMI), no âmbito do pedido de assistência solicitado oficialmente em abril, justificando a decisão com a subida da cotação do petróleo.

A informação surge num comunicado enviado hoje à agência Lusa, em Luanda, praticamente uma semana depois de o FMI ter anunciado que Angola desistiu das negociações sobre um eventual "programa de financiamento ampliado" da instituição, pretendendo manter as conversações, ao nível de consultas técnicas, que visam o apoio à diversificação da economia.

"À luz do recente desempenho económico e do acesso a financiamento suficiente, Angola não vai pedir financiamento ao FMI. Angola vai continuar o seu programa de assistência técnica com o FMI", esclarece o Ministério das Finanças, acrescentando que as conversações com os representantes daquele organismo continuam apenas em outubro.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)