Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Antigos gestores do Autódromo do Estoril julgados por peculato e abuso de poder

Lusa 13 de Março de 2017 às 12:15

Domingos Piedade, antigo presidente do conselho de administração da Circuito Estoril, empresa estatal que explora o Autódromo do Estoril, e Isabel Brazão, ex-administradora, começam a ser julgados na quarta-feira, em Cascais, por abuso de poder, peculato e falsificação.

Segundo o despacho de acusação do Ministério Público (MP), a que a agência Lusa teve acesso, os dois antigos gestores da Circuito Estoril (CE), detida desde 2002 pela Parpúblca, 'holding' do Estado, utilizaram, entre 2007 e 2012, o cartão de crédito da empresa em despesas pessoais e receberam vencimentos adiantados que acabaram por não ser autorizados pelas Finanças.

Domingos Piedade presidiu ao conselho de administração da CE entre 2003 e 2012 - entre agosto de 2009 e junho de 2010 foi apenas administrador não executivo - e Isabel Brazão foi vogal executiva entre 2007 e 2012, ano em que ambos renunciaram aos cargos.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)