Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Atacante de Hamburgo era conhecido das autoridades alemãs por se ter radicalizado

Homem de 26 anos foi travado por transeuntes depois de ataque com machado.
Lusa 29 de Julho de 2017 às 12:56
O suspeito detido num carro da polícia
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
O suspeito detido num carro da polícia
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
O suspeito detido num carro da polícia
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo
Polícia fez cordão de segurança no local do ataque em Hamburgo

As autoridades alemãs afirmaram este sábado que o homem de 26 anos que, na sexta-feira, atacou mortalmente com um pequeno machado uma pessoa e feriu várias num supermercado em Hamburgo, na Alemanha, era conhecido das autoridades por ser um radical islâmico e por estar instável psicologicamente.

O suspeito, um jovem de 26 anos nascido nos Emirados Árabes Unidos, foi rapidamente controlado por traseuntes e preso depois do ataque em Barmbek, no estado alemão de Hamburgo.

O responsável pela Administração Interna de Hamburgo, Andy Grote, disse que o homem - cujo pedido de asilo tinha sido rejeitado - era conhecido das autoridades por se ter radicalizado, mas que não era considerado perigoso.

Grote disse que a razão do ataque continua ainda por definir, mas acredita que o jovem de 26 anos tenha agido sozinho, uma vez que não são conhecidas ligações a redes extremistas.

Além da pessoa que morreu, o jovem de 26 anos esfaqueou mais pelo menos cinco pessoas. De acordo com Andy Grote nenhum dos feridos corre risco de vida.

Hamburgo Alemanha Emirados Árabes Unidos Barmbek Administração Interna de Hamburgo questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)