Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Barack Obama diz que rapto de meninas na Nigéria é uma "situação revoltante"

Presidente dos Estados Unidos expressou o desejo de "uma mobilização internacional" contra o grupo islamita nigeriano Boko Haram.
6 de Maio de 2014 às 23:44

O Presidente dos Estados Unidos, Barak Obama, considerou esta terça-feira que o rapto de 14 de abril de mais de 200 raparigas de uma escola na Nigéria, reivindicado pela milícia islâmica Boko Haram, foi uma "situação revoltante".

"É, evidentemente, uma situação que despedaça o coração, uma situação revoltante", afirmou o Presidente norte-americano, numa intervenção emitida no canal de televisão ABC, acrescentando que a Boko Haram "é uma das piores organizações terroristas".

Nas suas primeiras declarações públicas sobre o envio de uma equipa norte-americana de especialistas, na tentativa de encontrar as jovens, Barak Obama declarou que a equipa integra "militares, polícias e outros agentes, que, no local, procurarão saber onde as raparigas possam estar e ajudá-las".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)