Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

BE quer mudar a lei para "penalizar a sério" empresas que abusam dos estágios

Lusa 28 de Março de 2015 às 20:49

A porta-voz do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, defendeu hoje que "é preciso mudar a lei" para "penalizar a sério" as empresas que abusam dos estágios sucessivos, financiados pelo Estado, para ocupar postos de trabalho permanentes.

"Uma empresa que utiliza um estágio que é financiado pelo Estado tem depois de ter a garantia de criar um posto de trabalho permanente, um contrato sem termo. E tem que haver sanções a doer. Quando as empresas abusam, quando utilizam todos os esquemas que podem para fazer rodar estagiários e não respeitarem os direitos das pessoas, as sanções têm que ser a doer. É preciso mudar a lei. É preciso penalizar a sério quem vive do abuso, quem vive destes subsídios do Estado para ter estágios abusando de quem está a trabalhar", declarou Catarina Martins.

A coordenadora do BE falava para um grupo de cerca de duas dezenas de jovens dirigentes bloquistas, que hoje se reuniram no Liceu Camões, em Lisboa, para discutir o combate à precariedade laboral.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)