Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Bibi podia ter sido mais vigiado

O ex-provedor da Casa Pia, Luís Rebelo, admitiu sexta-feira em tribunal que a instituição poderia ter sido mais "diligente" na vigilância a Carlos Silvino ('Bibi').
10 de Março de 2006 às 16:59
Na 153ª sessão do julgamento do processo de pedofilia, o ex-provedor sublinhou que, "sempre que tomou conhecimento de situações relacionadas com abusos sexuais tomou medidas, com alguns resultados" e que durante o tempo em que exerceu o cargo, instaurou seis processos disciplinares a 'Bibi', três dos quais por abusos sexuais. Um dos processos levou à sua demissão em 1989, mas em 1991, o Supremo Tribunal Administrativo ordenou a reintegração na Casa Pia.
O último teve o seu desfecho em Setembro de 2002, dois meses antes de rebentar o escândalo na comunicação social, levando à sua reforma compulsiva, na sequência de uma queixa apresentada em Setembro de 2001 pela mãe de 'Joel', o mesmo jovem que esteve na origem da denúncia deste caso.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)