Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Bispo do Funchal pede que candidatos se abstenham de "fazer comícios" no adro das igrejas

Lusa 18 de Agosto de 2019 às 09:45

O bispo do Funchal, Nuno Brás, considera "natural" que os candidatos às legislativas da Madeira aproveitem os adros das igrejas para "mostrar as propostas que têm para a sociedade", mas pede que se abstenham de "fazer comícios com megafones".

"O adro é um espaço de transição, portanto, uma coisa é encontrar as pessoas, outra coisa seria fazer comício com megafone, altos berros. Aí, penso que não, penso que é preciso respeitar a própria ação sagrada que decorre dentro da igreja", disse em entrevista à agência Lusa.

Nuno Brás sublinha que as missas de domingo constituem um importante ponto de encontro e, como tal, "é natural que os vários candidatos aproveitem o lugar [o adro] para falar, para mostrar a sua proposta".