Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Brasil: Partido de Dilma promete "guerra lenta, gradual e segura" contra "golpistas"

Lusa 18 de Abril de 2016 às 03:58

O líder do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara dos Deputados brasileira avisou no domingo que "a guerra" contra o vice-presidente, Michel Temer, será "lenta, gradual, segura e prolongada", após a aprovação do processo de destituição da Presidente.

Reconhecendo a "derrota provisória" deste domingo, dia em que os deputados aprovaram o pedido de afastamento da Presidente Dilma Rousseff (do PT), José Guimarães frisou que a "guerra" ainda não terminou.

O líder do PT (o partido de Dilma Rousseff) na Câmara dos Deputados, a câmara baixa do Congresso, defendeu que o vice-presidente "não reúne a menor condição de comandar o país".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)