Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Militares ocupam televisão do Burkina Faso

Soldados dispararam para o ar no pátio de entrada do edifício para dispersar manifestantes.
Lusa 2 de Novembro de 2014 às 14:52



Protestos foram desencadeados pela decisão de Compaoré de rever a Constituição para prolongar o mandato presidencial
Protestos foram desencadeados pela decisão de Compaoré de rever a Constituição para prolongar o mandato presidencial FOTO: Joe Penney/Reuters

O exército assumiu este domingo o controlo da radiotelevisão nacional do Burkina Faso, constataram jornalistas da Agência France Presse (AFP).

Soldados do regimento de segurança do presidente dispararam para o ar no pátio de entrada do edifício para dispersar os manifestantes ali concentrados, antes de assumirem o controlo das instalações.

De acordo com a AFP, os militares também ocuparam a praça da Nação na capital, Ouagadougou, local simbólico das grandes manifestações que ocorreram durante a semana para contestar o regime do presidente Blaise Compaoré, que acabou por se demitir na sexta-feira, após 27 anos no poder.

No sábado, as forças armadas designaram um militar para liderar o regime de transição, Isaac Zida, e hoje populares voltaram a sair à rua para exigir uma transição civil e democrática.

Burkina Faso Agência France Presse
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)