Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Bush força nomeação

O presidente norte-americano, George W. Bush, recorreu a uma prerrogativa constitucional por forma a contornar o Senado e nomear John Bolton como novo embaixador dos EUA junto das Nações Unidas.
1 de Agosto de 2005 às 15:47
Bush recorreu à prerrogativa constitucional que lhe permite efectivar nomeações de embaixadores durante intervalos entre sessões legislativas, como é o caso actual, com o Congresso 'parado' para férias.
Numa situação normal, o presidente propõe o embaixador e o Senado (câmara alta do Congresso) confirma.. ou não.
A nomeação de Bolton era contestada pelos senadores democratas (Bush é republicano), por consideraram que recentes críticas feitas pelo nomeado à ONU colocam em causa a sua escolha pelo presidente. Além disso, os democratas acusam Bolton de ter manipulado informação secreta enquanto principal diplomata norte-americano em matéria de controlo de armamento.
Bush concluiu que o 'lugar na ONU' não podia estar vago por mais tempo e forçou hoje a nomeação. John Bolton tem cargo assegurado até Janeiro de 2007, quando toma posse o novo Congresso. O senador democrata Edward Kennedy acusou o presidente Bush de abuso de poder.
Ver comentários