Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

CAI GOVERNO NA CROÁCIA

O primeiro-ministro croata, Ivica Racan, comunista reformado, apresentou a demissão, mas disse ao país que pretende formar novo governo e continuar o seu programa de reformas até às legislativas de 2004.
5 de Julho de 2002 às 18:44
Em discurso televisivo, Racan explicou aos croatas que os motivos da sua demissão se prendem com desentendimentos no interior da frágil coligação governamental. O problema eram desentendimentos constantes entre Racan e o principal aliado governamental, Drazen Budisa.

Dizem os analistas que Racan pretende com a sua demissão ganhar espaço de manobra para afastar Budisa sem haver eleições, que poderiam ser ganhas pela oposição nacionalista do HDZ. O presidente Stipe Mesic já anunciou que vai iniciar, na segunda-feira, conversações com os líderes dos partidos com representação parlamentar. Espera-se que Mesic volte a convidar Racan a formar governo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)