Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Câmbio para euros e impostos desaceleram queda do preço dos combustíveis - Apetro

Lusa 17 de Outubro de 2014 às 16:29

Os preços combustíveis estão em queda, mas a um ritmo mais lento do que as cotações do petróleo nos mercados internacionais, o que as petrolíferas justificam com as taxas de câmbio euro/dólar e os pesados impostos.

Desde o pico de meados de junho, as cotações do petróleo bruto em dólares caíram 23%, as da gasolina 19,5% e as do gasóleo 17%, o que na Europa se traduziu em quedas menores (de 17%, 13% e 11%, respetivamente).

Nas bombas nacionais, entre 01 de julho e 16 de outubro, os preços dos combustíveis caíram em média 5%, o correspondente a sete cêntimos no gasóleo e a oito na gasolina, de acordo com os preços divulgados pela Direção Geral de Energia e Geologia.