Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Campeões europeus e mundiais em K2 500 querem brilhar nos 1.000 metros

Dupla vai testar rumo ao Rio 2016.
6 de Agosto de 2014 às 14:59

Os canoístas Emanuel Silva e João Ribeiro, campeões da Europa e do Mundo em K2 500, apresentam-se nos Mundiais de Moscovo empenhados em brilhar nos 1.000 metros, distância olímpica que a dupla vai testar rumo ao Rio 2016.

"Vontade, ambição e garra temos de certeza absoluta. Temos de estar no dia sim, no momento certo. Vão estar muitos países e atletas à procura do mesmo resultado que nós. E ninguém mais do que nós quer chegar ao lugar de pódio. Na final, tudo é possível. A nossa ambição é trabalho até aqui é para chegar o mais longe possível", sintetiza Emanuel Silva.

Em declarações à Lusa, o vice-campeão olímpico (precisamente em K2 1.000, com Fernando Pimenta) destaca o facto de a dupla estar "enquadrada e empenhada no mesmo objetivo", mas deixa decisões quanto à escolha definitiva das tripulações para o Rio 2016 para quem de direito: "A federação, junto com os treinadores, decidirá as equipas para o melhor resultado".

Nos Mundiais, que decorrem até domingo, Emanuel Silva refuta qualquer responsabilidade em função dos títulos Europeus e Mundial noutra distância, assegurando que essa pressão não vai ser adversária na prova, que ambos pretendem disputar na máxima descontração possível.

Desporto canoagem K2 500 Mundias de Moscovo Rio 2016
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)