Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Cancelamento do Dakar significa respeito pela vida

A petrolífera francesa Total, uma das principais patrocinadoras do Lisboa-Dakar, considerou este sábado que o cancelamento da competição não significa uma “cedência ao terrorismo”, mas sim o “respeito pela vida das pessoas”.
5 de Janeiro de 2008 às 15:16
“Não é ceder ao terrorismo. É ser respeitoso pela vida das pessoas de que somos responsáveis”, afirmou o director-geral da empresa, Christophe de Margerie, acrescentando que “nós próprios, na nossa filial mauritana, decidimos tomar medidas muito mais drásticas de protecção”.
Margerie lamentou ainda a anulação da prova, afirmando que “é o terrorismo que deve ser atacado, e não os que optaram por tomar uma boa decisão”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)