Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Cardeal Pell regressa à Austrália para responder por acusações de abuso sexual

Lusa 10 de Julho de 2017 às 02:52

O mais elevado cargo do Vaticano envolvido no escândalo de crimes sexuais da Igreja Católica, o cardeal George Pell, regressou hoje à Austrália para ser julgado por acusações de que abusou sexualmente diversas pessoas.

Pell, conselheiro financeiro do papa Francisco, de 76 anos, deverá comparecer em tribunal em Melbourne a 26 de julho, para responder por múltiplas acusações de "históricas ofensas de ataque sexual", de acordo com a descrição da polícia de Victoria, referindo-se a crimes que ocorreram há vários anos. Este tipo de crimes não prescreve na Austrália.

Quando a polícia anunciou as acusações no mês passado, Pell prometeu defender-se, dizendo: "Toda a ideia de abuso sexual é repugnante para mim".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)