Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Caso dos livreiros 'desaparecidos' leva milhares às ruas de Hong Kong no sábado

Lusa 19 de Junho de 2016 às 03:32

Manifestantes saíram à rua em Hong Kong no sábado para pedir esclarecimentos ao governo e em apoio ao livreiro que revelou ter sido sequestrado pelas autoridades chinesas e ter estado detido durante oito meses por uma unidade especial da polícia.

Lam Wing-kee, que na quinta-feira revelou pormenores da sua detenção numa conferência de imprensa em Hong Kong, liderou a marcha participada por vários deputados pró-democratas, entre a zona comercial de Causeway Bay e o Gabinete de Ligação da China.

A organização da manifestação estimou em 6.000 o número de participantes, enquanto a polícia indicou um máximo de 1.800 pessoas no período de maior adesão ao protesto.