Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Governo espanhol vê nomeação de detidos e exilados para governo regional como 'provocação' da Catalunha

Viabilidade do novo executivo regional terá ser avaliada.
Lusa 19 de Maio de 2018 às 19:04
Mariano Rajoy
Quim Torra
Mariano Rajoy
Quim Torra
Mariano Rajoy
Quim Torra

O Governo de Espanha qualificou como "provocação" as nomeações feitas pelo presidente do governo regional da Catalunha de quatro conselheiros, uns detidos e outros exilados, e assegurou que vai avaliar "a viabilidade" do novo executivo regional, este sábado.

O novo presidente do governo regional catalão, o independentista Quim Torra, formou este sábado um governo regional que inclui Jordi Turull e Josep Rull, detidos, e Antoni Comín e Lluís Puig, fugidos na Bélgica.

Em comunicado, o Governo espanhol afirma que as nomeações mostram que "não é sincera" a vontade de diálogo manifestada na carta que Torra enviou na sexta-feira ao primeiro-ministro, Mariano Rajoy.

Catalunha Governo de Espanha presidente madrid
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)