Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

CDU diz que Sócrates é "para entreter" e mostra-se contra carga fiscal

João Ferreira defendeu que "há que aliviar a carga fiscal sobre as pequenas e médias empresas, os trabalhadores e as famílias"
16 de Maio de 2014 às 18:58

João Ferreira, cabeça de lista da CDU ao Parlamento Europeu, afirmou esta sexta-feira que a presença de José Sócrates, antigo primeiro-ministro socialista, na campanha "é para entreter", preferindo discutir formas de aliviar a carga fiscal em Portugal.

"Esse é um bom tema para entreter quem não quer discutir os reais problemas do país. É natural que aqueles que estão comprometidos com os problemas que o país hoje enfrenta se entretenham nesse tipo de discussões. Há vários rostos responsáveis, mas, sobretudo, três partidos (PS, PSD e CDS-PP) que partilham responsabilidades", disse João Ferreira, numa "arruada" em Braga.

“Ficámos a saber que, nos últimos 14 anos, a carga fiscal suportada pelas famílias e os trabalhadores portugueses aumentou consideravelmente e cada português paga, relativamente ao ano 2000, mais 1.800 euros de impostos por ano. A CDU tem propostas para contrariar este caminho", assegurou o também vereador da Câmara Municipal de Lisboa.

CDU João Ferreira Eleições Europeias José Sócrates carga fiscal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)