Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

CDU: Objectivos cumpridos

Para Paulo Raimundo, da comissão política do PCP, as primeiras projecções de resultados traduzem "o sentimento que recebemos durante a campanha. Era nosso objectivo crescer e contribuir para combater as políticas de direita. Estes resultados vão ao encontro dos objectivos da CDU", garante, referindo-se à subida de votos em relação às últimas eleições europeias, em 2004.
7 de Junho de 2009 às 20:32
Ilda Figueiredo, candidata da CDU
Ilda Figueiredo, candidata da CDU FOTO: d.r.

Este sentimento contrasta com o ambiente pesado com que a sede do PCP ficou, quando os poucos militantes presentes ouviram as primeiras projecções na televisão, que colocam a CDU atrás do Bloco de Esquerda. Mesmo assim, diversos militantes garantem que a situação 'não é dramática'. Outros esperam que os números ainda possam mudar a favor da CDU.

Até ao momento, tanto Jerónimo de Sousa como Ilda Figueiredo, cabeça-de-lista da coligação entre o PCP e os Verdes, continuam resguardados numa sala privada no primeiro piso da sede do partido, onde acompanham pelas televisões todas as projecções. O comentário, segundo informações dadas ao CM, 'só surgirão quando os resultados estiverem mais consolidados'.

CDU CULPA PS E PSD

Francisco Lopes, da CDU, considera que o nível de abstenção, que segundo as mais recentes sondagens apontam para valores acima dos 60%, 'números muito elevados, que atestam o distanciamento existente entre a União Europeia e os cidadãos, nomeadamente pela recusa em referendar o Tratado de Lisboa.

Neste aspecto, PS e PSD têm responsabilidades particulares', criticou.Para o membro da comissão política, 'se o empenho da CDU nestas eleições tivesse sido generalizado pelos outros partidos e não tivesse feito uma campanha espectáculo', os números da abstenção poderiam ser outros.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)