Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

CFP pede rapidez ao Governo na especificação das propostas do Programa de Estabilidade

Lusa 12 de Maio de 2015 às 13:38

O Conselho de Finanças Públicas (CFP) voltou hoje a criticar a falta de detalhe nas medidas previstas do Programa de Estabilidade 2015-2019, pedindo ao Governo "uma especificação rápida" para que se concretizem "os efeitos previstos".

No final de abril, o CFP apresentou um parecer às propostas de Programa de Estabilidade e de Programa Nacional de Reformas, destacando que as previsões macroeconómicas apresentadas pelo Governo são "plausíveis para 2016", mas "incertas" para os anos seguintes, devido à falta de detalhe de medidas com impacto orçamental.

Hoje, a instituição liderada por Teodora Cardoso apresenta uma análise mais aprofundada ao Programa de Estabilidade 2015-2019, concluindo que o documento, de um modo global, "prevê uma reversão progressiva de medidas transitórias aplicadas nos anos recentes, sendo o seu efeito compensado com recurso a medidas adicionais ainda incertas".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)