Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

CGTP afirma estar disponível para negociar mas Governo tem que escolher "caminho"

Lusa 30 de Outubro de 2019 às 14:16

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, afirmou hoje que as maiores críticas ao programa do Governo são na área laboral, reforçando que a central sindical está disponível para negociar, mas estará nas mãos do Governo "escolher o caminho".

"Não podemos continuar assim. Está nas mãos do Governo escolher o caminho e se se quer encostar aos partidos mais à direita ou ouvir as reivindicações dos trabalhadores e da CGTP", disse o líder sindical hoje em conferência para apresentar a posição da CGTP sobre o novo programa do Governo, que está a ser hoje discutido no parlamento.

A CGTP considera que o que está em falta neste programa é o "reconhecimento da centralidade do trabalho e da valorização dos trabalhadores como elementos determinantes para combater as desigualdades sociais e a pobreza laboral", nomeadamente na vontade política de alterar o atual modelo dominante assente na precariedade e nos baixos salários e na "revogação das normas gravosas da legislação laboral".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)